Black Friday: expectativas e tendências para 2016

A Black Friday, que acontece todos os anos, é o dia eleito pelo comércio para oferecer os melhores descontos aos seus clientes, assim como ocorre nos dias anteriores às datas comemorativas. Embora seja um momento muito aguardado pelos consumidores, que desejam adquirir produtos com boas promoções, é também um dia muito esperado pelos vendedores.

Desde que a Black Friday foi organizada pelo comércio brasileiro pela primeira vez, os números das vendas crescem todos os anos. Mesmo que sejam as lojas virtuais que tenham iniciado essa prática, em 2010, algumas lojas físicas também participam. Isso porque essa data, inicialmente realizada nos Estados Unidos, começou com o comércio tradicional.

No país estadunidense, a Black Friday acontece há mais de 80 anos, sendo que lá a ideia é realizar uma grande ação de vendas na sexta-feira após o feriado de Ação de Graças, data essa que é comemorada na quarta quinta-feira do mês de novembro. Dessa forma, em 2016, a Black Friday vai acontecer no dia 25 de novembro.

Vale lembrar ainda que no comércio brasileiro é o mês de novembro que abre a temporada de grandes vendas no país. Com o décimo terceiro dos trabalhadores em mãos ou a caminho, é possível a eles investir na aquisição de bens e mesmo começar a organizar as suas férias, buscando produtos e serviços de turismo.

Para ter uma ideia de como as vendas são significativas na Black Friday, levantamentos apontam que de 100 milhões em vendas em 2011, elas passaram para 1,6 bilhões em 2015. Esse último valor é o mesmo que foi arrecadado por todo o comércio para o Dia das Mães de 2016. Os segmentos que mais se beneficiam com a data em todas as edições são os de eletrônicos, moda, artigos esportivos, perfumes e eletrodomésticos.

No entanto, muitos outros segmentos estão se juntando à Black Friday, como o de pneus, softwares, aplicativos, pacotes de viagem, cursos, imóveis, cosméticos, produtos de limpeza, alimentos e bebidas. Desse modo, é indicado a todos os varejistas online que incluam a Black Friday no seu plano de marketing anual.

Dicas de como se preparar para a Black Friday

Hoje em dia, smartphones fazem parte da vida de grande parte dos consumidores, inclusive, daqueles que realizam compras online. Por isso, é indicado a quem possui um e-commerce torná-lo um site responsivo ou criar um site mobile, desse modo, ele será bem visualizado em outros dispositivos que não sejam computadores desktop e laptops.

Dados mostram que 30% dos consumidores online já usam os seus dispositivos móveis para pesquisar as suas compras e realizá-las pela internet. Outro dado importante é que a grande parte das pessoas que pesquisa as promoções da Black Friday faz isso com antecedência, por meio dos buscadores, como o Google.

Por conta disso, se faz necessário ainda que os lojistas criem uma ação com antecedência para vender mais na data, a fim de divulgar suas promoções e mesmo confirmar a sua participação na Black Friday. Para conseguir maior visibilidade, é possível ainda investir nas técnicas de SEO e nos links patrocinados para que mais internautas encontrem a sua loja virtual.

Mesmo em tempos de crise, as pessoas não deixam de comprar, ainda mais nas datas comemorativas e quando encontram descontos realmente vantajosos. Especialistas apontam que a expectativa de vendas para o Black Friday 2016 é muito positiva e a tendência é que o volume de vendas supere as edições anteriores.

É preciso, portanto, estar preparado e isso significa que o site da sua loja deve suportar um número maior do que o normal de internautas conectados. Já que existem muitos e-commerces que participam da Black Friday, se a sua loja online não estiver funcionando com agilidade corre-se o risco de perder vendas.

Também é necessário que o seu estoque esteja preparado com um número maior de unidades de produtos, inclusive, aqueles que você está destacando nas publicidades sobre a sua participação na data. Nesse sentido, vale a pena avaliar quais os produtos que merecem ganhar destaque na ocasião.

Uma dica é aproveitar a Black Friday para vender com bons descontos os itens que estão encalhados no seu estoque. A sua equipe também deve estar preparada para atender um volume maior de internautas. Além disso, é imprescindível investir nos atributos que ajudam a aumentar as vendas em todas as épocas do ano.

Entre eles, layout da loja virtual atrativo, navegação intuitiva, selos que garantam aos clientes a segurança nas transações, formas de pagamento variadas, valor do frete atrativo e ampla oferta de produtos de qualidade.

Quer saber mais dicas para o Black Friday? A Oxi separou um material específico sobre o assunto, produzido pelo Google. Clique aqui para baixá-lo.

Gostou? Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on whatsapp
Share on skype